Comitente 2ª VARA DA FAZENDA PÚBLICA DE UMUARAMA-PR Imprimir Lotes
Classificação Judicial - Presencial - ;
Status Aberto para Lances
Local 1° Leilão - ONLINE e 2° Leilão Presencial - Hotel Presidente, Av. Rio Branco, n° 3.854, Umuarama/PR
Data 1º Leilão: 04/09/2018 às 09:00Data2º Leilão: 14/09/2018 às 14:00
0
FAIXA DE PREÇO
COMITENTES
CIDADES
Limpar

LOTE 1.1 - Imóvel c/ 39.211,64m² em Umuarama/PR (1° Leilão )

Fotos lote
Nenhum lance enviado seja o primeiro
Quem está vencendo: lavoueu
Você precisa estar logado e habilitado para enviar lances Entrar/Solicitar Habilitação
{{ValorReal}} Enviar Lance
{{ValorReal}} {{LabelBotaoLanceInicialOfertarAvaliacao}}
Acessar tela de Lances
Lote Tipo do Bem Valor de Avaliação Lance Inicial - 2ª Praça/Hasta Valor Débito Lance Atual Número de Lances Status Número de visitas
001 INDUSTRIAIS R$ 21.545.000,00 R$ 10.772.500,00 R$ 17.840,58 R$ 0,00 0 OK 4421
Descrição do lote
01-IMÓVEL URBANO: Lote E-1, da subdivisão do lote E, este da subdivisão do lote 14-K/14- 1-remanescente da subdivisão dos lotes n°14-K e 14-L, este da subdivisão do lote n°14, da Gleba 12-Jaborandi, Colônia Núcleo Cruzeiro, Município de Umuarama-Pr possuindo uma área de 20.811,64 m² com limites e confrontações constantes da Matrícula n° 23.074 com registro no 1° Oficio de Imóveis da Comarca de Umuarama - PR; 02-IMÓVEL URBANO: Lote nº 14-M-1, da subdivisão do Lote nº 14-M, este da subdivisão do Lote nº 14, da Gleba 12-Jaborandi, Colônia Núcleo Cruzeiro, Município de Umuarama-PR, com a área de 1,84 hectares, correspondentes à 18.400,00 m², com limites e confrontações constantes da Matrícula n° 3.857 com registro no 1° Oficio de Imóveis da Comarca de Umuarama - PR; BENFEITORIA – 01: Um salão de alvenaria com telhado de zinco e piso rústico possuindo uma área de 3.500 m²; BENFEITORIA – 02: Um salão em alvenaria com piso de cimento queimado possuindo várias repartições que faz uso para escritórios possuindo uma área de 1.200 m²; BENFEITORIA – 03: Um salão de telha de Eternit possuindo a metade fechado que fazia uso para deposito de algodão (tulha) possuindo uma área de 673,00 m²; BENFEITORIA – 04: Uma casa de alvenaria, contendo telhado de Eternit, possuindo área total de 194,00 m²;
Observação
Considerações: Os imóveis não sofreram alterações de valor, razão pela qual mantenho valor atribuído em laudo anterior. Em diligências pude constatar que os imóveis estão localizados às margens da PR-323, próximo ao aeroporto, onde atualmente é a Indústria de Confecções Toninato. A região configura área de expansão urbana e está servida de todos os melhoramentos públicos existentes, como energia elétrica, saneamento básico, internet, rede de esgoto e outros. Assim, constataram-se as benfeitorias sendo que, os imóveis tratam de propriedade de grande área, já avaliados por esta serventia em outras oportunidades, os quais foram constatados como contíguos, vez que ao realizar as vistorias, o avaliador não tem como saber se o local onde está é exatamente a divisa entre os 2 imóveis, objeto da matrícula penhorada. Cabe salientar que: 1. Em ambos estão erigidas benfeitoria de valor considerável, não sendo possível identificar sobre qual deles estão construídas. 2. Não há como informar com exatidão sobre qual imóvel ou se as benfeitorias estão sobre os dois imóveis, ou ainda se estão unidos fisicamente, pois não contém conhecimento técnico específico para tal informação. Ônus e Recursos Pendentes: “R.02/M. 23.074 – Hipoteca Judicial em favor da credora MCFADDEN E CIA LTDA, referente aos autos 1359/94 junto a 9ª Vara Cível de São Paulo; R.03/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 101/98, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.04/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 24/200, junto a 1ª Vara Cível de Paranavaí, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.05/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 07/2000, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.06/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 177/95, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Banco do Estado do Paraná; R.07/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 63/98, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.08/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 781/1997, junto a 1ª Vara do Trabalho de Umuarama, credor Sergio Sangion; R.09/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 299/2000, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.12/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 36/2006, junto a 1ª Vara Cível de Umuarama, credor Município de Umuarama; R.13/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 2006.70.04.001231-5/PR, junto a 1ª Vara Federal de Umuarama, credor União Fazenda Nacional; R.14/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 00262-1995-325-09-00-6, junto a 2ª Vara do Trabalho de Umuarama, credor Cleusa dos Santos Maia; R.15/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 733/2009, junto a 1ª Vara Cível de Umuarama, credor Município de Umuarama; R.17/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 248/2001, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.20/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 101/98, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.21/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 218/2001, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Município de Umuarama; R.22/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 460/1999, junto a 1ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.23/M.23.074 – Arresto referente aos autos nº 0004111-84.2014.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Município de Umuarama; R.24/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 0007054-50.2009.8.16.0173, junto a 1ª Vara Cível de Umuarama, credor Município de Umuarama; R.25/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 0000394-26.1998.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.26/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 000410-09.2000.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.27/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 0004562-12.2014.8.16.0173, junto a 3ª Vara Cível de Umuarama, credor Município de Umuarama; R.28/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 0000372-60.2001.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.29/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 0001481-70.2005.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.30/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 0001485-10.2005.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.31/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 0003879-72.2014.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.32/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 0001189-22.2004.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.33/M.23.074 – Penhora referente aos autos nº 000772-54.2013.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.03/M. 3.857 – Hipoteca Judicial em favor da credora MCFADDEN E CIA LTDA, referente aos autos 1359/94 junto a 9ª Vara Cível de São Paulo; R.04/M.3;857 – Penhora referente aos autos nº 24/200, junto a 1ª Vara Cível de Paranavaí, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.05/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 264/2000, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.06/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 84/2000, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.07/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 177/95, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Banco do Estado do Paraná; R.08/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 182/2002, junto a 19ª Vara Cível de São Paulo, credor MCFADDEN E CIA LTDA; R.09/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 63/98, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.10/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 218/2001, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Município de Umuarama; R.;11/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 2006.70.04.001231-5/PR, junto a 1ª Vara Federal de Umuarama, credor União Fazenda Nacional; R.13/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 101/98, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.14/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 218/2001, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Município de Umuarama; R.15/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 6774-45.2010, junto a 1ª Vara Cível de Umuarama, credor Município de Umuarama; R.16/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 350-50.2011, junto a 1ª Vara Cível de Umuarama, credor Município de Umuarama; R.17/M.3.857 – Penhora referente aos autos 460/1999, junto a 1ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.18/M.3.857 – Arresto referente aos autos nº 0004111-84.2014.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Município de Umuarama; R.19/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 0007054-50.2009.8.16.0173, junto a 1ª Vara Cível de Umuarama, credor Município de Umuarama; R.20/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 351-35.2011, junto a 1ª Vara Cível de Umuarama, credor Município de Umuarama; R.21/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 0000394-26.1998.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.22M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 000410-09.2000.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.23/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 0004562-12.2014.8.16.0173, junto a 3ª Vara Cível de Umuarama, credor Município de Umuarama; R.24/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 0000372-60.2001.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.25/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 0001481-70.2005.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.26/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 1481-70.2005.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Governo Do Paraná; R.27/M.3.857– Penhora referente aos autos nº 0001485-10.2005.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.28/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 0003879-72.2014.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.29/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 0001189-22.2004.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná; R.30/M.3.857 – Penhora referente aos autos nº 000772-54.2013.8.16.0173, junto a 2ª Vara Cível de Umuarama, credor Fazenda Pública do Estado do Paraná, conforme matricula imobiliária de evento 132.1; Eventuais constantes da matricula imobiliária, posteriores a publicação deste.” INTIMAÇÃO: Caso os executados e seus cônjuges não sejam encontrados, ficam desde já intimados através do presente edital, bem como ficam intimados os terceiros interessados, de que poderão até a data do leilão público, oferecer proposta escrita nos autos (independentemente de estar representado por advogado), art. 895 do CPC). Nomeado leiloeiro o SR. JORGE V. ESPOLADOR, leiloeiro oficial, o qual perceberá a seguinte remuneração: 5% sobre o valor da arrematação, pagos pelo arrematante; 2% sobre o valor da avaliação nos casos de adjudicação, pagos pelo exequente.
Histórico de lances
Internauta Data Hora Valor do Lance Forma Pagamento IP do Internauta
{{Internauta}} {{Data}} {{Hora}} {{ValorLance}} {{FormaPagamento}} {{IPInternauta}}
Visualizar todos os lances

***** Atenção investidores/clientes, PARA PARTICIPAÇÃO NA MODALIDADE "PRESENCIAL", não é necessário nenhum tipo de cadastro prévio, basta apenas comparecer no dia, local e horário designado munido de seus documentos pessoais/juridicos. PARA PARTICIPAÇÃO NA MODALIDADE "ON LINE", é obrigatório o cadastro, encaminhamento de todos os documentos pessoais/jurídicos, e a solicitação de habilitação, junto ao site www.jeleiloes.com.br com antecedência mínima de 24 horas antes do último dia útil que antecederá o leilão, seja ele em 1º e/ou 2° Leilão.

Todo o material de propaganda não tem validade jurídica, pois se trata de mero material de divulgação, com informações limitadas e resumidas, vale o que consta no edital.