Comitente VARA DO TRABALHO DE JACAREZINHO-PR Imprimir Lotes
Classificação Judicial - Presencial
Status Encerrado
Local Átrio do SESC - SENAC, Rua Dois de Abril, nº 720/742, Centro, Jacarezinho/PR
Data Leilão Encerrado!
FAIXA DE PREÇO
COMITENTES
CIDADES
Limpar

LOTE 1.11 - 50% de um imóvel c/ 10 alq. em Cambará/PR (2° Leilão )

Fotos lote
Lote Tipo do Bem Valor de Avaliação Lance Inicial - 2ª Praça/Hasta Lance Atual Número de Lances Status Número de visitas
001 IMÓVEIS RURAIS R$ 500.000,00 R$ 300.000,00 R$ 800.000,00 51 Arrematado 477
Lote 001
Tipo do Bem IMÓVEIS RURAIS
Valor de Avaliação R$ 500.000,00
Lance Inicial - 2ª Praça/Hasta R$ 300.000,00
Lance Atual R$ 800.000,00
Número de Lances 51
Status Arrematado
Número de visitas 477
Descrição do lote
MATRÍCULA Nº542 – 50% (cinquenta por cento) de um imóvel agrícola denominado Fazenda Água do Vieira, lote nº2, situado na Gleba nº 1, parte do quinhão nº 4, da medição judicial da Fazenda Água do Vieira, neste município e comarca de Cambará, com a área de 242.000m², correspondente a 24,20 há, ou seja 10 (dez) alqueires paulistas, com as divisas e confrontações constantes da matrícula supra declinada. CO-PROPRIETÁRIO - R.44 – Arrematação em favor de Maria Emília Jorge Haggi (50%); R.45 – Formal de Partilha dos bens deixados por Maria Emília Jorge Haggi: SELMA MARIA JORGE HAGGI e cônjuge; SORAYA MARIA HAGGI FREGADOLLI e cônjuge; APARECIDA MARIA JORGE HAGGI BENÍCIO e cônjuge; HERMINIO GAHHI FILHO e cônjuge; JOSE HAGGI SOBRINHO
Local para visitação
DEPOSITÁRIO: Espolio de Antônio Casquel, representado por sua inventariante Dra. Uliana Ferreira Lara do Espirito Santo.
Observação
ÔNUS: Matrícula nº 542 do CRI de Cambará – Pr: R.9 – Penhora em favor da Fazenda Nacional, referente aos autos nº 18/1999 de Executivo Fiscal, em trâmite perante o juízo da Vara Cível da Comarca de Cambará; R.23 – Penhora em favor da Fazenda Nacional, referente aos autos nº 003/2007 de Executivo Fiscal, em trâmite perante o juízo da Vara Cível da Comarca de Cambará; Av. Penhora em favor de Dejeine Cristina Silvério da Silva, referente aos autos nº 1602/2010; Av. 25 – Penhora em favor de Antônio Sabino Cabocio Filho, referente aos autos nº 1603/2010; Av.26 – Penhora em favor de Miguel Rodrigues dos Santos, referente aos autos nº 1646/2010; Av. 27 – Penhora em favor de Marcelo Junior dos Santos, referente aos autos nº 7 1647/2010; Av. 28 – Penhora em favor de Marcelo Junio dos Santos, referente aos autos nº 1680/2010; Av. 29 – Penhora em favor de Debora Camargo, referente aos autos nº 1682/2010; Av. 30 – Penhora em favor de Daniele Rodrigues de Oliveira Caetano, referente aos autos nº 1683/82010; Av. 31 – Penhora em favor de Jose Paulo Trevigno, referente aos autos nº 1766/2010; Av.32 – Penhora em favor de Carlos Alberto da Silva, referente aos autos nº 1.805/2010; Av.33 – Penhora em favor de João Maria Pereira, referente aos autos nº 1823/2010; Av. 37 – Penhora em favor de Joaquim Nunes Neto, referente aos autos nº 1825/2010; Av.35 – Penhora em favor de Ricardo Sérgio Francisco dos Santos, referente aos autos nº 1827/2010; Av. 36 – Penhora em favor de Maria da Silva Soares, referente aos autos nº 1912/20110, todos em trâmites perante este juízo; Av. 38. – Indisponibilidade de Bens em favor do INSS, referente aos autos nº 006/1997 de Executivo Fiscal, em trâmite perante o juízo da Vara Cível a Comarca de Cambará; Av. 39 – Indisponibilidade de Bens, refrente aos autos nº 069/2001 de Executivo Fiscal, em trâmite perante o juízo da Vara Cível a Comarca de Cambará;Av. 40 – Indisponibilidade de Bens, referente aos autos nº 022/1994 de Executivo Fiscal, em trâmite perante o juízo da Vara Cível a Comarca de Cambará; R.42 – Penhora em favor de União Federal, referente aos autos nº2748/2011 de Executivo Fiscal, em trâmite perante o juízo da Vara Cível a Comarca de Cambará;R.44 – Arrematação em favor de Maria Emílio Jorge Haggi (50%); R.45 – Formal de Partilha dos bens deixados pro Maria Emília Jorge Haggi; R. 46 – Penhora em favor de Espolio de Idalina Barbosa, de Carvalho, referente aos autos nº 545-62.2011.5.09.0017; OBSERVAÇÕES GERAIS: O valor mínimo para a apresentação de lanço será de 60% (sessenta por cento) do valor da avaliação, conforme art. 891, § único do CPC. Os bens poderão ser arrematados à vista ou de forma parcelada, mediante proposta formalizada pelo interessado até o momento da hasta pública, nas seguintes condições: a) imediato depósito do sinal de, no mínimo, quarenta por cento (40%) do valor do lanço, e o restante (60%), a prazo, garantido pela penhora incidente sobre o mesmo bem, na forma do art. 215 do Provimento-geral da Corregedoria Regional; ou b) proposta de parcelamento anual, observando o imediato depósito de 33,33% por cento do valor do lanço e o saldo restante em 2 parcelas de 33,33% cada, vencendo a primeira 12 meses após a hasta e a última 24 meses após a hasta. Caso não pago o preço da arrematação, o arrematante perderá, em favor da execução, todos os depósitos efetuados, inclusive o sinal, nos termos do art. 888, § 4º, da CLT. No pagamento à prazo, as parcelas serão acrescidas de juros e corrigidas monetariamente, pelos índices aplicáveis ao processo trabalhista. A comissão do leiloeiro será de 5% (cinco por cento) do valor da arrematação, a cargo do arrematante. Na hipótese de arrematação ou adjudicação, as despesas necessárias para a realização da transferência dos bens, inclusive para o registro da carta de arrematação, deverão ser suportadas pelo arrematante ou adjudicante. O prazo para apresentação de quaisquer medidas judiciais contra os atos expropriatórios, como embargos ou recursos, começará a fluir após a data da realização da hasta pública, independentemente de intimação. O presente edital servirá de intimação às partes e seus procuradores, em sendo negativa a intimação dirigida a quaisquer das partes. E, para que chegue ao conhecimento dos interessados, é expedido o presente EDITAL, que será publicado no Diário Eletrônico da Justiça do Trabalho e afixado em local próprio, na sede desta Vara do Trabalho, servindo, também, como EDITAL DE INTIMAÇÃO DE PRAÇA/LEILÃO, caso não sejam localizadas as partes quando da expedição das respectivas intimações.ATENÇÃO: Os bens poderão ser arrematados individualmente, exceto se houver arrematante na integralidade dos bens.
Histórico de lances
Internauta Data Hora Valor do Lance Forma Pagamento IP do Internauta
{{Internauta}} {{Data}} {{Hora}} {{ValorLance}} {{FormaPagamento}} {{IPInternauta}}
Visualizar todos os lances

Todo o material de propaganda não tem validade jurídica, pois se trata de mero material de divulgação, com informações limitadas e resumidas, vale o que consta no edital.